Conecte-se conosco

Opinião

O PT que era agora já era; O Brasil tá sabendo separar o joio do trigo

Edivaldo Santos

Publicado

em

Os eleitores brasileiros, foram às urnas neste domingo (29) para decidir o futuro politico das suas cidades, elegendo os seus prefeitos para governar por quatro anos. Eles mostraram que a mudança que começou em 2018, tinha que continuar nesta eleição de 2020 e assim foi feito.

Os resultados desta eleição municipal de 2020 no segundo turno, os eleitores deram um empurrão na esquerda brasileira, principalmente ao Partido dos Trabalhadores (PT) como que dissesse: Sai pra lá, chega, já era!. Foi como ter dado um atestado de óbito político ao PT e à esquerda como um todo.

Como sabemos, o PT já foi o porta voz da esquerda e da “esperança” do povo brasileiro, mas no entanto, chega ao pôr do sol; momento do dia em que o sol não mais aparece no horizonte e deixa de brilhar. A sigla está colhendo o fruto que plantou ao longo dos 16 anos no poder, fruto este, que foi plantado através da conduta marginal da imensa maioria de seus principais dirigentes que se lambuzaram com o dinheiro público e perderam as unhas de tanto raspar os cofres públicos.

Mas o povo acordou e aos poucos e a cada eleição vai dando um basta nisso tudo e as urnas responderam pelo próprio povo que nelas depositou o seu voto de repudio, a tudo que esta esquerda vem fazendo e defendendo no país. O brasileiro está sabendo separar o joio do trigo e esta foi a mensagem clara que transmitiu através do voto neste último domingo.

Desde a operação Lava Jato,  e foi refletido desde as eleições passadas para presidente, o 13 vêm sendo fracionado e tem se tornado um zero à esquerda no Brasil. Na realidade, o partido vem pagando o preço do que plantou e tem provado do seu próprio veneno, pois além de permitir e praticar uma tremenda corrupção no país, também foi um partido arrogante e radical, portando-se como o dono de uma verdade utópica que sempre presumiu ser única.

Por isso, a cada eleição vem amargando e perdendo o crédito que um dia já teve. Nesta eleição de 2020, a sigla, pela 1ª vez desde a redemocratização, fica de fora de todas as capitais e isso é um sinal claro do povo dizendo: Não quero mais. Com a derrota de Marília Arraes no Recife e João Coser em Vitória, o PT termina as eleições sem comandar, pela primeira vez na história, uma capital do País. A primeira vitória, em Fortaleza (CE), com Maria Luiza Fontenele, foi em 1985.

Na Bahia, das 8 maiores cidades, o PT só conseguiu eleger apenas Moema Gramacho, em Lauro de Freitas, eleita com 50,680 votos contra 34.216 votos do concorrente Teobaldo (DEM). Em contra partida, a sigla perdeu na capital, Salvador, em primeiro turno. Em Feira de Santana e em Vitória da Conquista em segundo turno. Teve também derrotas em Itabuna, Juazeiro e Teixeira de Freitas.

Em Feira, a segunda maior cidade do estado, Colbert Martins Filho (MDB) que foi eleito com 164.831 votos, equivalente a 54,42% dos votos válidos, derrotou o candidato petista Zé Neto que obteve 138.073 votos, representando 45,58% dos votos válidos. Em Conquista, a terceira maior cidade, o candidato Zé Raimundo do PT que obteve 82.942 votos, 46,00% dos votos válidos, foi derrotado pelo emedebista Herzem Gusmão, eleito com 97.364 votos, representando 54,00% dos votos válidos.

A vitória de Colbert em Feira, Herzem e Conquista e das demais maiores cidades do estado, significa uma gigantesca derrota e uma perda incalculável para o governador Rui Costa, que se empenhou nas campanhas, no intuito de eleger os seus candidatos, como uma forma de fortalecer o PT para 2022, mas não teve jeito, o povo disse que não.

Pelo Brasil a fora, o Partido dos Trabalhadores perdeu em Anápolis (GO), Cariacica (ES), Caxias do Sul (RS), Guarulhos (SP), Pelotas (RS), Recife (PE), São Gonçalo (RJ), Santarém (PA) e Vitória (ES) e muito mais.

Estes resultados negativos contra o PT, mostram uma perda de relevância da sigla nas eleições municipais e o recado está dado: a esquerda teve suas chances e oportunidades, no entanto as desperdiçaram e as perderam. Agora jaz levada pela onda das urnas, significando dizer que, a nossa bandeira jamais será vermelha e sim azul, branco, verde e amarela.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no YouTube? Inscreva-se no nosso canal!

Deixe o seu comentário:
Continue Lendo
Publicidade

Relojoaria Quartz

<

Grupo de WhatsApp

Rádio Elos

Veja Aqui Agora

Copyright © 2019 Veja Aqui Agora | O que Você Quer Saber Acontece Aqui |

var _Hasync= _Hasync|| []; _Hasync.push(['Histats.start', '1,4104171,4,500,95,18,00010000']); _Hasync.push(['Histats.fasi', '1']); _Hasync.push(['Histats.track_hits', '']); (function() { var hs = document.createElement('script'); hs.type = 'text/javascript'; hs.async = true; hs.src = ('//s10.histats.com/js15_as.js'); (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(hs); })();

Receba Nossas Notícias