Conecte-se conosco

Mundo Gospel

Pastor flagrado pegando bumbum de fiel pede afastamento de presidência da Assembleia

Publicado

em

Após ser flagrado dando tapinhas nas nádegas de uma ex-funcionária de igreja de 39 anos, o pastor Antônio Dionizio da Silva, de 70 anos, presidente da Assembleia de Deus Missões (ADM), em Campo Grande pediu afastamento da presidência da instituição. Ele já tinha mais de trina anos a frente da instituição e no final do mês passado a ComadeMS (Convenção das Assembleias de Deus no Estado de Mato Grosso do Sul), já havia informado que pediria para que o pastor deixasse o cargo, segundo informou o Campo Grande News.

Em nota encaminhada a mesa diretora da ComadeMS, na última quarta-feira (04), o pastor Dionísio não cita o ocorrido e alega que o pedido de afastamento por 60 dias se dar por recomendação médica. Ele também deixou claro que não tem interesse em concorrer à presidência do órgão.

“Venho por meio desta requerer a mui digna Mesa Diretora meu pedido de licença médica pelo prazo de 60 (sessenta) dias, a contar desta data, para tratamento de minha saúde já que a recomendação médica é neste sentido”, diz o pastor.

RESPOSTA DE UM JORNALISTA "IMBECIL" PARA UM "SUPREMO MINISTRO" DO STF.

Com a saída de Dionizio quem assumiu a liderança da Convenção foi o 1º vice-presidente, pastor Carlos Chaves de Castro. No entanto, Antônio Dionizio continua líder da Igreja Assembleia de Deus Missões da Capital.

Após a divulgação do vídeo em que o pastor aparece em um apartamento com a mulher dando-lhe tapas no seu bumbum, pastores que fazem parte da ComadeMS (Convenção das Assembleia de Deus no Estado de Mato Grosso do Sul) assinaram no último dia 22 de outubro, nota de repúdio contra ele.

Tamanha intimidade revoltou fieis, por conta dos boatos de que ela seria a responsável pela separação de Dionizio e da esposa, também da liderança da ADM, após 43 anos de casamento. Ao Campo Grande News a mulher, de 39 anos, que aparece na filmagem negou que tenha relacionamento com o líder da instituição, e disse que as imagens que causaram a polêmica foram montadas, editadas e retiradas de contexto.

“Estou com consciência tranquila perante Deus. Envergonhada? Sim, você é exposto a situações que você nunca imaginou na vida, taxado de culpa de uma coisa que não fez”, disse a mulher, ao Campo Grande News e que não quis ter seu nome divulgado e continua: “Isso é algo tão grosseiro, tão arquitetado, é guerra de poder política, simplesmente isso”, disse a mulher. Ela nega qualquer envolvimento com o pastor.

Veja Aqui Agora | O que você quer saber acontece aqui!

CLIQUE AQUI PARA PARTICIPAR DO GRUPO NO WHATSAPP

ACESSE ESTE LINK PARA SEGUIR O NOSSO INSTAGRAM

CURTA A NOSSA PÁGINA NO FACEBOOK

Deixe o seu comentário:

Copyright © 2019 Veja Aqui Agora | O que Você Quer Saber Acontece Aqui |

var _Hasync= _Hasync|| []; _Hasync.push(['Histats.start', '1,4104171,4,500,95,18,00010000']); _Hasync.push(['Histats.fasi', '1']); _Hasync.push(['Histats.track_hits', '']); (function() { var hs = document.createElement('script'); hs.type = 'text/javascript'; hs.async = true; hs.src = ('//s10.histats.com/js15_as.js'); (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(hs); })();

Receba Nossas Notícias