Conecte-se conosco

Pelo Mundo Afora

Pastores brasileiros foram presos em Portugal sob acusação de tráfico de pessoas

Publicado

em

Nesta quinta-feira (9), três pastores brasileiros, cuja identidade e igreja não foram reveladas, pelas autoridades portuguesa, foram presos em Portugal sob acusação de tráfico de pessoas. A prisão dos líderes religiosos foi feita pelo Serviço de Estrangeiro e Fronteiras (SEF). Eles foram detidos em Amadora, na Grande Lisboa.

O Serviço de Estrangeiro e Fronteira (SEF) cumpriu mandato de busca e apreensão e os pastores, sendo eles, dois homens e uma mulher, foram presos pelo órgão. Eles foram interrogados nesta sexta-feira (10), acusados de tráfico de pessoas e auxílio à imigração ilegal.

Agentes do SEF disseram que foram resgatados, cerca de 300 cidadãos brasileiros, incluindo crianças, todos em condições precárias. Eles também informaram que do grupo, a maioria estava em situação irregular.

RESPOSTA DE UM JORNALISTA "IMBECIL" PARA UM "SUPREMO MINISTRO" DO STF.

“Para além das condições de trabalho, alojamento e salubridade em que foram detectados, os cidadãos estrangeiros, entre os quais crianças, eram sujeitos ao pagamento de quantias de dinheiro para a organização religiosa” diz a nota do SEF.

Gonçalo Rodrigues, diretor de investigação do órgão, disse que as investigações sobre o caso começaram há três meses através de uma denúncia. “Havia ali claramente indícios de exploração” disse ele a um jornal local.

Segundo informações do jornal português Público. O alojamento onde as vítimas ficariam era um armazém, com banheiros comunitários e refeitório e onde aconteciam os cultos.

Para convencerem as vítimas saírem do Brasil, os religiosos prometiam trabalho e regularização em Portugal, mas isso nunca acontecia.

Deixe o seu comentário:
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © 2019 Veja Aqui Agora | O que Você Quer Saber Acontece Aqui |

var _Hasync= _Hasync|| []; _Hasync.push(['Histats.start', '1,4104171,4,500,95,18,00010000']); _Hasync.push(['Histats.fasi', '1']); _Hasync.push(['Histats.track_hits', '']); (function() { var hs = document.createElement('script'); hs.type = 'text/javascript'; hs.async = true; hs.src = ('//s10.histats.com/js15_as.js'); (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(hs); })();

Receba Nossas Notícias