Conecte-se conosco

Isto Acontece

Policia quer saber se preso se passou por policial para tirar dinheiro de Flordelis

Publicado

em

A polícia Civil está investigando no sentido de saber se um preso fingiu ser policial civil para tirar dinheiro da cantora gospel, pastora e deputada federal Flordelis. A parlamentar é investigada por envolvimento na morte de seu marido, o pastor Anderson do Carmo, morto a tiros no dia 16 de junho deste ano, quando chegava em sua casa pela madrugada após um passeio com sua esposa.

A Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo descobriu que três números usados pelo suposto policial para entrar em contato com a deputada estão em nome de Jota Carvalho Junior, um detento, condenado por tráfico de drogas. Ele está preso na Penitenciária Esmeraldino Bandeira, no Complexo de Gericinó, Zona Oeste do Rio de Janeiro, de acordo com dados do site do Tribunal de Justiça.

O celular da deputada foi apreendido pela Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo no dia 17 de setembro. Nele foram encontradas conversas entre a parlamentar e o homem pelo WhatsApp. Os diálogos ocorreram entre agosto e setembro. Neles, o homem afirma ser lotado na Delegacia de Homicídios da capital e diz que tem um colega na unidade de Niterói e garante ter informações sobre as investigações do assassinato do esposo da deputada, pastor Anderson do Carmo e afirmou também que tem conhecimento de uma testemunha-chave.

RESPOSTA DE UM JORNALISTA "IMBECIL" PARA UM "SUPREMO MINISTRO" DO STF.

“Olha, eu estava conversando com esse colega sobre você. Até me desculpe, eu falei que você é uma deputada muito bonita. Ele falou: bonita e perigosa. Ele falou que a doutora tem uma testemunha-chave”, escreveu o homem. A doutora referida na conversa é a delegada Bárbara Lomba, titular da Delegacia de Homicídios de Niterói. A parlamentar pergunta ao suposto policial quem seria a pessoa, mas o homem na revela a identidade e pede calma a Flordelis.

As conversas entre Flordelis e o suposto policial via WhatsApp continuam e ele chega a oferecer a parlamentar uma “pessoa de confiança disposta a assumir o assassinato” e tirar seus filhos da prisão, mas Flordelis não respondeu a proposta feita pelo homem.

Os investigadores descobriram outros dois números utilizados pelo homem para se comunicar com a parlamentar. Os números estão em nome de duas pessoas as quais não são policiais e não tem antecedentes criminais.

Em outro trecho das conversas, o homem pede um nome para chamar a deputada e o nome sugerido é Renata e a deputada aceitou a proposta de ser chamada por Reanata no sentido de despistar a policia. “Nunca é bom os verdadeiros nomes”, disse o suposto policial a Flordelis em conversas pelo WhatsApp. A parlamentar ainda também é orientada pelo homem a comprar um celular sem internet alegando ser mais difícil de ser grampeado.

Os dados acima citados foram encontrados pela Delegacia de Homicídios de Niterói e São Gonçalo no celular da parlamentar após uma análise preliminar que foi encaminhada à 3ª Vara Criminal de Niterói para serem anexados ao processo criminal respondido pelos filhos da deputada, Flavio dos Santos Rodrigues e Lucas Cézar dos Santos, que já são réus pela morte do pastor Anderson do Carmo.

Sobre as descobertas e as conversas, a assessoria de imprensa de Flordelis disse que as ligações recebidas pela parlamentar foram encaminhadas para a Polícia Federal, “a quem cabe apurar os fatos relatados”. Acrescentou também que por se tratar das investigações que estão em andamento, a parlamentar não faria outros comentários.

Deixe o seu comentário:
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © 2019 Veja Aqui Agora | O que Você Quer Saber Acontece Aqui |

var _Hasync= _Hasync|| []; _Hasync.push(['Histats.start', '1,4104171,4,500,95,18,00010000']); _Hasync.push(['Histats.fasi', '1']); _Hasync.push(['Histats.track_hits', '']); (function() { var hs = document.createElement('script'); hs.type = 'text/javascript'; hs.async = true; hs.src = ('//s10.histats.com/js15_as.js'); (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(hs); })();

Receba Nossas Notícias