Conecte-se conosco

Música

Filha de traficante faz sucesso no mundo gospel com músicas compostas pelo pai

Publicado

em

Sem gravadora e não muito conhecida no cenário gospel, Débora Gama, de 21 anos, já canta música gospel há uma década. A jovem, filha de Márcio dos Santos Nepuceno, mais conhecido por Marcio VP, um dos traficantes mais conhecido do país, é frequentadora de uma igreja menos rígida que a da suas tias que também são evangélicas.

A conexão da família do traficante, pai da moça com o mundo evangélico já é antiga. Em audiências na justiça, irmãs de Marcinho compareciam vestidas com túnicas longas e coloridas, típicas da igreja que elas frequentam, a Assembleia de Deus dos Últimos Dias, liderada pelo pastor Marcos Pereira.

Débora, a filha do traficante soltou a voz em público pela primeira vez aos seis anos de idade em um culto em comemoração ao aniversário do pai. A carreira da moça, no entanto começou em 2009 quando gravou o seu primeiro disco com o irmão mais velho, Lucas. A dupla não foi enfrente e Débora toca sua carreira solo de forma independente, mas sonha conseguir contrato com uma gravadora. Ela já tem uma agenda cheia e só no mês passado a jovem fez 12 shows.

RESPOSTA DE UM JORNALISTA "IMBECIL" PARA UM "SUPREMO MINISTRO" DO STF.

A mãe de Débora engravidou da jovem quando o marido já estava preso. Na época o traficante ainda estava no complexo de Gericinó. Hoje Marcinho está na unidade federal de Catanduva, no Paraná. VP é apontado pela polícia como um dos chefes da maior facção criminosa do Rio de Janeiro.

Marcinho VP exerce total influencia na carreira de Débora. Parte das músicas gravadas pela filha são de autoria dele. As letras das músicas são enviadas por cartas para que a jovem aprenda. Nas visitas da jovem ao pai, ele ensina o ritmo que imaginou para a composição. Dai então as músicas são gravadas por Débora.

INSCREVA-SE NO CANAL

”Meu pai gosta que as músicas sejam gravadas do jeito que ele pensou. Não podemos mudar nada. Se a gente chega lá (no presídio) cantando diferente, ele diz que não está bom e fica de cara amarrada”, conta a jovem, aos risos.

Uma das músicas compostas pelo traficante está gravada no CD Presente de Deus, lançado por Débora e Lucas em 2009. A canção foi escrita para ser uma homenagem da dupla para o pai. A canção referida fala de filhos que cresceram distantes do pai. Fala também da saudade sentida do genitor. “Apesar das pedras atiradas, você é o melhor pai para mim”, diz parte do refrão da canção escrita pelo próprio VP.

Débora conta também que ela e seu irmão Lucas, reclamavam de algumas musicas escritas pelo pai as quais eram consideradas por eles, fortes. “Houve um momento em que eu e meu irmão questionávamos, na visita, como gravaríamos uma música citando luta e dificuldade, pois éramos crianças”, disse.

A cantora já gravou três CDs. O terceiro foi lançado em março do ano passado. Por orientação do pai, a jovem cursa Arquitetura. Em 2018, ela cantou na Marcha para Jesus, em São Paulo.

“Meu pai sempre foi a pessoa que mais me incentivou. Nos estudos, na carreira, em tudo. É dele meu maior apoio”, declarou a cantora.

Deixe o seu comentário:
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © 2019 Veja Aqui Agora | O que Você Quer Saber Acontece Aqui |

var _Hasync= _Hasync|| []; _Hasync.push(['Histats.start', '1,4104171,4,500,95,18,00010000']); _Hasync.push(['Histats.fasi', '1']); _Hasync.push(['Histats.track_hits', '']); (function() { var hs = document.createElement('script'); hs.type = 'text/javascript'; hs.async = true; hs.src = ('//s10.histats.com/js15_as.js'); (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(hs); })();

Receba Nossas Notícias