Conecte-se conosco

Isto Acontece

Fundação de menores procura família biológica de adolescente que vive irregular na casa de Flordelis

Publicado

em

Após não conseguir provar no Conselho Tutelar do Largo da Batalha em Niterói, a guarda e a adoção de uma adolescente mantida em sua casa a seis anos de forma irregular, Flordelis agora se ver na mira da Fundação para Infância e Adolescente (FIA).

O órgão está fazendo uma busca em seu banco de dados no sentido de verificar se a adolescente está sendo procurada por sua família biológica. A Fundação está cruzando informações e fotos fornecidos pelo Conselho Tutelar do Largo da Batalha.

O órgão quer saber se foi registrado o desaparecimento da adolescente, quem é tratada como filha pela deputada. A jovem está na casa da parlamentar a cerca de seis anos e nunca foi adotada por Flordelis e sequer tem uma guarda legal.

RESPOSTA DE UM JORNALISTA "IMBECIL" PARA UM "SUPREMO MINISTRO" DO STF.

Ao Conselho Tutelar a Parlamentar admitiu que possue poucas informações sobre a origem da jovem. Foi descoberto que a deputada sequer possui certidão de nascimento da adolescente. Flordelis também não sabe nem quem são os pais da jovem, o nome completo de batismo da menina e nem sua idade de nascimento.

Ela disse no Conselho Tutelar que a menina vivia nas ruas com o avô e que chegou a sua casa através de um diretor da Gravadora MK Music por nome Carlos Knust.

INSCREVA-SE NO CANAL

Flordelis também contou no órgão que o nome atualmente utilizado pela menina foi escolhido pela própria adolescente ao chegar em sua casa. A parlamentar foi intimada pelo Conselho Tutelar após o Jornal EXTRA denunciar a situação.

Eliana Virgilio, presidente do Conselho Tutelar do Largo da Batalha, pediu para a deputada apresentasse toda a documentação comprovando de que a menina estava em sua casa de forma regular, conforme ela alegou, mas os documentos, no entanto, nunca foram apresentados.

A parlamentar garante que já deu entrada ao processo para adotar a jovem, mas o Tribunal de Justiça do Rio desmente a informação. O TJ diz que não há nenhum processo solicitando a guarda ou adoção da jovem pela deputada Flordelis.

Caso não seja encontrada nenhuma informação sobre a jovem em seu banco de dados, a Fundação para Infância e Adolescente, estuda a possibilidade de solicitar autorização ao Juizado da Infância e Juventude no sentido de incluir a menina no programa Minha Família.

Procurada, a assessoria de imprensa de Flordelis não quis se posicionar sobre as providências que estão sendo tomadas pela FIA

Deixe o seu comentário:
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Copyright © 2019 Veja Aqui Agora | O que Você Quer Saber Acontece Aqui |

var _Hasync= _Hasync|| []; _Hasync.push(['Histats.start', '1,4104171,4,500,95,18,00010000']); _Hasync.push(['Histats.fasi', '1']); _Hasync.push(['Histats.track_hits', '']); (function() { var hs = document.createElement('script'); hs.type = 'text/javascript'; hs.async = true; hs.src = ('//s10.histats.com/js15_as.js'); (document.getElementsByTagName('head')[0] || document.getElementsByTagName('body')[0]).appendChild(hs); })();

Receba Nossas Notícias